(11) 5052-1000
Neo Vita - Reprodução Humana e Saúde Reprodutiva

Resp Técnico: Dr. Fernando P. Ferreira

CRM-SP: 103.984 | RQE: 39.163.1

Conheça os principais cuidados a se ter durante o tratamento de FIV

Fertilização 30/01/2020
Estimulação ovariana: entenda como funciona e sua importância para FIV

A fertilização in vitro (FIV) é um procedimento no qual o óvulo é fertilizado por um espermatozoide e após a fertilização espera-se o desenvolvimento embrionário para transferência do embrião. A FIV é um tratamento muito procurado por casais que tentam engravidar e não conseguem e aqueles que já possuem um diagnóstico de infertilidade. Mas você sabe quais são os cuidados que devem ser tomados durante a FIV? Entenda mais sobre o assunto a seguir!

Alimentação e infertilidade

Ter uma boa dieta antes, após a FIV e ingerir uma quantidade significativa de água são cuidados essenciais para o tratamento. Uma alimentação anti-inflamatória e rica em compostos antioxidantes está entre os recursos mais utilizados por homens e mulheres para aumentar a fertilidade. Estudos mostram que um estilo de vida saudável pode favorecer um padrão alimentar pró-fertilidade. Nas mulheres, a infertilidade é interferida através dos desequilíbrios ovulatórios e no caso dos homens, pode interferir negativamente na produção dos espermatozoides, bem como na qualidade, quantidade e motilidade destes.

Álcool e tabagismo

Tanto a ingestão de álcool quanto o cigarro são proibidos durante o tratamento. O álcool pode atrapalhar os efeitos dos medicamentos utilizados durante o tratamento e qualidade espermática. Por outro lado, o cigarro possui substâncias tóxicas e o seu uso prejudica drasticamente o sistema reprodutor, reduzindo a taxa de fertilidade e consequentemente o sucesso do tratamento.

Sendo assim, o sistema reprodutor é comprometido na produção dos espermatozoides, permeabilidade das tubas uterinas (o que faz com que o espermatozoide encontre o óvulo para fertilização), divisão celular, desenvolvimento embrionário e implantação do blastocisto no endométrio.

Atividades físicas

Atividades físicas de impacto como musculação e corrida não são recomendadas durante a FIV. Mesmo outras atividades como alongamento, yoga, caminhada, hidroginástica devem ser feitas com cautela devido ao aumento dos ovários após o estímulo ovariano. O exercício físico de forma intensa pode causar um desconforto e até mesmo causa complicações preocupantes.

Relações sexuais

Antes dos embriões serem transferidos para o útero, as relações sexuais são liberadas. Entretanto, caso a paciente tenha hiperestímulo ovariano existe uma contraindicação. Sendo assim, após a transferência embrionária, o sexo obrigatoriamente deve ser evitado para que não provoque contrações uterinas e prejudique a implantação do embrião.

O repouso

Essa é a dúvida mais questionada durante o tratamento de FIV. Atualmente a ciência mostra que o repouso após a FIV não tem influência nenhuma sobre a implantação do embrião no endométrio. O repouso quando indicado na FIV, é para uma questão de tranquilidade da mulher após procedimento.

Se o repouso fosse realmente essencial para implantação, a gravidez natural seria menos comum, pois a mulher antes de descobrir que está grávida continua suas atividades rotineiras normalmente.

Contudo o importante é se manter longe das atividades que causam ansiedade, estresse e seguir as recomendações do seu médico. Ele é a pessoa mais indicada para te orientar neste momento.

Desenvolvido por AO5 Marketing Digital

Fale por Whatsapp