(11) 5052-1000
Neo Vita - Reprodução Humana e Saúde Reprodutiva

Resp Técnico: Dr. Fernando P. Ferreira

CRM-SP: 103.984 | RQE: 39.163.1

Entenda como funciona a criopreservação de óvulos e a importância do apoio psicológico

Além das pacientes com câncer, as mulheres que desejam a maternidade estão cada vez mais preocupadas com a diminuição progressiva da sua fertilidade à medida que a idade avança.

Está é uma realidade cada vez mais comum, muitas mulheres já procuram especialistas em reprodução humana, pois querem casar e terem filhos mais tarde. A maioria delas já tem a consciência de que após os 35 anos sua fertilidade diminui e não será mais a mesma e sim pode ter dificuldades futuramente para engravidar.

Deste modo, a criopreservação de ovócitos, conhecida como congelamento de óvulos é uma saída que pode minimizar esta angústia e trazer conforto a essas mulheres.

O procedimento de Criopreservação de óvulos

O procedimento de criopreservação de óvulos é realizado em laboratório, onde as pacientes são induzidas a produzirem mais folículos do quem em um ciclo natural. Após esses folículos atingirem tamanho adequado são puncionados pelo médico especialista, através de um transdutor com uma agulha acoplada e congelados em um laboratório de embriologia, assim como é realizado no tratamento de fertilização in vitro.

Indicamos o congelamento de óvulos para mulheres sem parceiro fixo, solteiras ou que não estão certas de ter encontrado o parceiro ideal. Ao congelar os óvulos, no futuro ela pode decidir se os fertiliza com o sêmen do parceiro ou mesmo com o sêmen de banco de doadores. Também é possível, congelar embriões. Para isso precisamos de um parceiro ou mesmo banco de sêmen.

É uma boa técnica para mulheres casadas ou em relacionamentos estáveis. O ideal é que a mulher congele ao menos 10 óvulos ou 4 embriões, pois contamos com perdas mínimas no descongelamento e no desenvolvimento dos embriões.

A importância do apoio psicológico

A criopreservação dos óvulos permite que a mulher consiga adiar a maternidade. Sendo assim, é primordial que essa mulher tenha o conhecimento sobre todas as possibilidades que terá no futuro no momento que decidir fertilizar seus óvulos. O apoio psicológico é fundamental para entender os desejos, anseios e questionamentos da paciente para que a mesma esteja ciente das chances que o procedimento vau trazer no futuro e principalmente estar ciente da escolha que está fazendo.

Desenvolvido por AO5 Marketing Digital

Fale por Whatsapp